Prefeito Júlio César e vice-prefeita Fabiana Pessoa participaram de reunião com o Secretário de Estado de Saúde Gilberto Figueiredo


Data: 07 de Janeiro de 2022
Fonte: Driely Melo

O prefeito Júlio César acompanhado da vice-prefeita e secretária de saúde Fabiana Pessoa estiveram no município de Paranaíta junto com os cinco prefeitos da região que compõe o Consórcio Intermunicipal de Saúde, no qual participaram de uma importante reunião com o Secretário de Estado de Saúde Gilberto Figueiredo. A principal pauta foi que o município de Paranaíta passará a realizar cirurgias eletivas para os seis municípios que fazem parte consórcio, Apiacás, Nova Monte Verde, Alta Floresta, Nova Bandeirantes, Carlinda e Paranaíta.

Segundo o prefeito Júlio César, a reunião foi de extrema importância para solucionar o problema na área da saúde que vem sendo enfrentada pelos seis municípios. “Hoje estamos dando um grande avanço na questão de agilizar a fila de espera, o prefeito de Paranaíta Osmar junto com a sua secretária de saúde Andréia assinaram um acordo inédito com o Governo do Estado, no qual cirurgias eletivas serão feitas em Paranaíta para assim ajudar a desafogar o nosso Hospital Regional de Alta Floresta.  Quero agradecer o prefeito Osmar e a população que irá receber os pacientes de Apiacás e não posso deixar de agradecer nossa Câmara de Vereadores pela parceria”. Diz o prefeito.

Já a vice-prefeita e secretária de saúde, Fabiana Pessoa, relata ser um grande avanço para a Saúde da Região, pois o município de Paranaíta tem condições adequadas e regulares de atender com qualidade parte das Cirurgias Eletivas reduzindo a sobrecarga do Hospital Regional e garantindo saúde à população. “Na oportunidade, não podemos deixar de agradecer o imenso empenho do Governador Mauro Mendes que juntamente com sua Equipe da Saúde comandada pelo secretário Gilberto vem desenvolvendo no SUS de Mato Grosso, assim como nossa gratidão ao prefeito Osmar, secretária Andreia e toda Equipe da Saúde de Paranaíta por atender com muito carinho a nossa população”. Afirma a vice-prefeita.